Silvio Santos

Silvio Santos

SBT obriga âncora a trabalhar de cadeira de rodas e Silvio Santos é denunciado em processo milionário

Apresentadora do SBT é obrigada a deixar hospital com soro pendurado por ordem de Silvio Santos: "Ele nem ligou"
Silvio Santos (Foto: Reprodução)

De acordo com documentos anexados no processo, a então âncora apresentou o SBT Brasil em uma cadeira de rodas

Movendo um processo milionário contra o SBT desde março, Rachel Sheherazade, ex-âncora do SBT Brasil detalhou algumas situações um tanto quanto peculiares durante seus 9 anos na emissora do Silvio Santos.

De acordo com o site Spinoff, do portal Terra, em uma das atas do processo, a defesa da jornalista relata um episódio em que Sheherazade foi obrigada a trabalhar machucada e teve que usar uma cadeira de rodas para se locomover entre os bastidores do canal da Anhanguera.

Isso mesmo, tudo aconteceu na época em que Sheherazade quebrou o pé e mesmo assim foi mantida na bancada do SBT Brasil, apresentando todo o telejornal em uma cadeira de rodas.

Também de acordo com o SpinOff, nos documentos anexados ao processo, a jornalista revela que o valor de seu salário era de R$ 30 mil mensais, sem registro formal na Carteira de Trabalho.

Posteriormente, Rachel Sheherazade alega ter sido obrigada a constituir uma pessoa jurídica para continuar como contratada do SBT, motivo esse que gerou o processo da âncora contra a emissora de Silvio Santos.

Veja também

PROCESSO MILIONÁRIO E SILVIO SANTOS DENUNCIADO

Rachel Sheherazade
Rachel Sheherazade durante uma participação no Teleton do SBT (Foto: Divulgação)

Rachel Sheherazade processou o SBT em 11 de março. O documento entregue pela defesa da ex-funcionária conta com 522 páginas.

Entre as alegações, a jornalista afirma que nunca recebeu nenhum direito trabalhista, como férias remuneradas e 13º salário, além de acusar Silvio Santos de assédio moral e humilhação em rede nacional.

Sheherazade também alegou abuso de poder e censura da chefia de jornalismo do SBT. Segundo o site Notícias da TV, juntando todas as alegações, a profissional pede uma indenização de R$ 30 milhões

A famosa anexou vários e-mails no processo e um deles, segundo o site TV Pop, é do CEO do SBT, José Roberto Maciel, onde ele acusa Rachel Sheherazade de não ter “bom senso”.

O executivo do SBT disparou duras críticas à apresentadora, alegando que ela não se dá o respeito, e que Sheherazade não tinha interesse em defender os valores e os princípios defendidos pela rede. Além disso, segundo José Roberto, o comportamento da então comandante do SBT Brasil, envergonhava não somente a ele, mas a outros colaboradores da emissora.

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários