Falência: confira tudo sobre quebra de empresas

Falência: confira tudo sobre quebra de empresas

Sinal encerrado, concessão cassada e quebra-pau: 3 escândalos e falência de emissora de TV aberta no Brasil

Falência de emissora deu o que falar (Foto: Reprodução/ Internet)
Falência de emissora deu o que falar (Foto: Reprodução/ Internet)

Emissora aberta declarou falência no Brasil

Abrir um negócio não é uma das tarefas mais fáceis do mundo. Isso porque uma série de situações podem levar ao fim de um grande empreendimento. Isso se aplica também a televisão. Ao longo dos anos, tivemos muitos canais no Brasil, mas algumas emissoras saíram do ar. Dessa vez, falaremos de uma gigante que declarou falência.

Para quem não sabe, estamos falando sobre o fim da TV Tupi. A emissora ficou em atividade de 1950 a 1980. O canal foi fundado por Assis Chateaubriand e era a líder de audiência na década de 50. Sua programação trouxe muitos ícones do audiovisual do país, como o Sítio do Pica Pau Amarelo, o Repórter Esso e as primeiras telenovelas.

De acordo com informações da CNN Brasil, os primeiros apresentadores e atores da emissora vieram da rádio, e rapidamente se adaptaram ao novo formato. Aliás, o canal foi pioneiro nas primeiras transmissões ao vivo no Brasil. Sem a transmissão por satélite, a Tupi fez um esquema complexo usando aviões para enviar as imagens.

Contudo, o fim da emissora se deu por conta de três grandes escândalos. Em 1980, a TV Tupi teve uma série de problemas administrativos e financeiros. Por conta disso, o canal foi impedida de renovar suas concessões. Dessa forma, seu sinal foi encerrado em 18 de julho. A atitude gerou uma onda de quebra-pau, vários protestos.

TV Tupi foi a emissora que teve a falência decretada (Foto: Reprodução/ Internet)
TV Tupi foi a emissora que teve a falência decretada (Foto: Reprodução/ Internet)

Qual canal rival da Record teve que fechar as portas?

A TV Rio fez parte das Rede de Emissoras Unidas, tendo liderado, juntamente com a TV Record de São Paulo, a rede homônima entre 1959 e 1967. A emissora carioca, vale dizer, teve vários programas que fizeram um enorme sucesso. Apostando em telenovelas, programas infantis, entre outras atrações.

Veja também

Vale lembrar que a desestruturação de sua aliada TV Record, a ausência de artistas de projeção e dirigentes competentes, a saída de Boni e Walter Clark e a competição com a recém inaugurada TV Globo deram início à decadência da TV Rio a partir de 1967.

Emissora está prestes a declarar falência por conta de dívida milionária (Reprodução: Internet)
Emissora carioca declarou falência (Reprodução: Internet)

Segundo o portal TVPedia Brasil, em 1968, a emissora foi vendida para a família Machado de Carvalho, da Record, e Murilo Leite, da Rede Bandeirantes. Mas a situação não melhorou. Em 15 de maio de 1971, 50% das ações foram vendidas para o grupo Gerdau e para o grupo da Televisão Difusora de Porto Alegre.

A emissora chegou a apresentar uma série de problemas. As dívidas com fornecedores e funcionários superavam o lucro obtido com programas e publicidade. Às vésperas de sua extinção, incluindo os salários atrasados dos 147 funcionários, calculava-se que a dívida da TV Rio passava de Cr$70 milhões.

No início de 1976, a emissora ficou fora do ar por quase uma semana devido a uma ação judicial movida pela RCA contra a falta de pagamento de equipamentos. Em fevereiro de 1977, novamente ficou fora do ar por 30 dias. No dia 6 de abril de 1977, a concessão foi cassada e seus transmissores foram definitivamente lacrados pelo Dentel.

 

🚨 Isabelle agora é ESCORRAÇADA + Rodriguinho CRAVA Davi traído + Susana Vieira DETONA colegas 

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Quem escreve

Kelves Araújo

Eu sou Kelves Araújo, graduando em Engenharia de Produção Civil pelo IFCE. Apaixonado pelos bastidores da TV, gosto de acompanhar a vida dos famosos e escrever a respeito. Atuo na área desde o ano de 2019, e exerço meu trabalho com muito entusiasmo por gostar do que faço. Minhas redes sociais são: e-mail: [email protected]