Celebridades Gugu Liberato Record

Surpresa feita por Gugu à mulher na Record gera revolta e caso vai parar na Justiça

record Gugu Liberato morreu aos 60 anos de idade (Foto: Reprodução/Record TV)
Gugu Liberato morreu aos 60 anos de idade (Foto: Reprodução/Record TV)

Episódio de 2015, ido ao ar no Programa do Gugu, na Record, virou caso de Justiça e mulher, dona de um fusca reformado pela atração, espera resultado

A confirmação da morte do apresentador Gugu Liberato, de 60 anos, no dia 22 de novembro, pegou os fãs do comunicador de surpresa. Ao longo de sua carreira em programas do SBT e depois da Record, o artista marcou toda uma geração e deixou um legado na TV.

Contudo, nem tudo sempre foi motivo de elogios na carreira de Gugu Liberato, que já protagonizou alguns episódios polêmicos da televisão brasileira, a exemplo da falsa entrevista com “membros” do grupo criminoso PCC. Há, também, um momento mais recente quando, já como funcionário da Record, o comunicador precisou lidar com a decepção de uma mulher que participou de um quadro de seu programa e, claramente, não gostou do resultado.

O momento ocorreu em 2015, quando, na época com o Programa do Gugu em seus anos inicias na Record, a produção da atração selecionou a artesã Nancy Lima, moradora do interior do São Paulo, que escreveu para o programa pleiteando uma reforma em seu carro modelo Fusca, do ano 1979.

De acordo com informações do portal UOL, a mulher relatou que o combinado entre ela e os produtores da Record foi que o carro passaria por um processo de recuperação, melhoraria os defeitos na lataria, assoalho, parte elétrica, portas, borrachas e motor, a fim de que ficasse igual a uma miniatura dada por ela aos produtores do Programa do Gugu.

Nancy afirma que o processo de melhoria em seu carro não foi de graça, mas que ocorreu uma “troca”, uma vez que, para que o automóvel fosse reformado, ela precisou enfrentar alguns desafios propostos pela atração da Record. Após vencer, ela foi recebida no palco por Gugu Liberato, mas quando o “novo” Fusca foi revelado, a mulher se decepcionou com o que viu. “Eu queria o [carro] vermelho, mas não com purpurina. E colocaram purpurina no carro. A roda era com a faixa branca, mas colocaram roda de Porsche. Não veio a peça para tirar o pneu. Veio sem buzina, sem alarme, trocaram o banco novo por um usado”.

A artesã diz também que a pintura do carro foi mal feita, o motor não teve o defeito corrigido e o teto voltou manchado de cola. Nancy diz que “só de tocar no assunto já fico abalada. Não assisto nenhum vídeo que fala disso porque me chocou muito. Era um sonho meu de criança e está na Justiça. As redes sociais não querem ver a verdade do problema e já começam a meter o pau”, desabafou ela, rebatendo as críticas dos internautas, principalmente agora que Gugu Liberato morreu. A Record preferiu não se manifestar sobre o assunto. A dona do automóvel diz esperar que o juiz “resolva o problema, seja como for. Mas não quero mais que eles peguem o carro para arrumar”.

Já em relação ao apresentador Gugu Liberato, ela diz que, “sinceramente, eu senti a morte dele. Ele era uma boa pessoa, tanto na televisão como fora da TV. E não é porque ele se foi que estou dizendo”.

https://twitter.com/hemyhemyhemy/status/1197652836387106822?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1197652836387106822&ref_url=https%3A%2F%2Fwww.uol.com.br%2Fcarros%2Fnoticias%2Fredacao%2F2019%2F12%2F09%2Ffusca-reformado-em-programa-do-gugu-traumatizou-dona-e-foi-parar-na-justica.htm

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Redação TV Foco