Agora

Agora

Uber e Ifood recebem ULTIMATO no Brasil e NOVA LEI cai como bomba aos trabalhadores

Aplicativo do Uber e entregador do Ifood (Fotos: Reproduções / Internet)
Aplicativo do Uber e entregador do Ifood (Fotos: Reproduções / Internet)

O Governo Federal determinou uma semana para que ocorra um acordo entre entregadores e aplicativos para regulamentar a atividade como Uber e Ifood

Na última quarta-feira, 04, a Uber e o Ifood receberam um ultimato devido a elaboração da nova lei para a regulamentação do setor.

O Governo Federal determinou uma semana para que ocorra um acordo entre entregadores e aplicativos para regulamentar a atividade.

Desse modo, a notícia caiu como uma bomba aos trabalhadores, uma vez que os representantes de aplicativos e de entregadores devem chegar a um acordo.

De acordo com informações da Folha de São Paulo, a negociação com o segmento da entrega do projeto está travada desde o dia 12 de setembro.

Por conta dos impasses, os representes de empresas no grupo do trabalho possuem preocupações de que o governo penda no texto do projeto.

Veja também

Segundo informações da Folha, os representantes de motoristas, como a Uber, chegaram a um acordo.

As duas entidades chegaram a um acordo ao fazerem propostas de remuneração por hora.

Chico Macena, secretário-executivo do Ministério do Trabalho e Emprego, afirmou que a construção de uma proposta consensual evoluiu.

Aplicativo da Uber - Foto: Internet
Aplicativo da Uber – Foto: Internet

MAIS SOBRE O ASSUNTO

No entanto, o segmento de entregas por ciclistas e motoentregadores, como o Ifood, estão com dificuldades.

Por conta das dificuldades, o Governo Lula poderá apresentar uma proposta de regulação da categoria.

“Não havendo acordo, o governo vai apresentar uma proposta de regulação”, disse Chico Macena.

Porém, o secretário-executivo do Ministério do Trabalho e Emprego acredita que acontecerá um acordo.

“Ainda acreditamos que possa haver consenso, esperamos ter uma proposta de todos”, disse Chico Macena.

Além disso, o secretário confirmou que o grupo está realizando um relatório das reuniões e “pactuando conceitos” do que foi discutido nos últimos quatro meses.

O principal problema entre entregadores e empresas é o valor por corrida. A bancada dos trabalhadores fechou consenso na exigência de ao menos R$ 35 por hora logada.

A MID (Movimento Inovação Digital) e Amobitec (Associação Brasileira de Mobilidade e Tecnologia) propuseram o pagamento por hora efetivamente trabalhada, segundo a Folha.

Entregadores de aplicativo, como o Ifood, parados  (Foto: Bruno Santos)
Entregadores de aplicativo, como o Ifood, parados (Foto: Bruno Santos)

QUANDO A UBER E O IFOOD CHEGARAM NO BRASIL?

O Ifood chegou no Brasil no dia 15 de maio de 2011, enquanto a Uber começou a operar em janeiro de 2016.

Entregador do iFood (Foto: Reprodução / Internet)
Entregador do iFood (Foto: Reprodução / Internet)

🚨 Substitutos de Ana Maria batem boca + Ator diz que foi humilhado pela Globo + Adeus Rodriguinho?

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA