Celebridades SBT Silvio Santos

Yudi Tamashiro atropela Silvio Santos com o carro no SBT, emenda três dias bebendo e leva centenas de meninas pra casa

Silvio Santos, Yudi Tamashiro
Silvio Santos e Yudi Tamashiro (Reprodução)

Yudi Tamashiro abriu o jogo e contou detalhes dos bastidores do Bom Dia e Cia. O apresentador revelou que vivia na balada e já chegou a apresentar o programa infantil de ressaca

Yudi Tamashiro cresceu na frente das câmeras e revelou que em sua vida pessoal as coisas estavam fora de controle. Em entrevista para Luciana Gimenez, no Superpop desta segunda-feira, 4, o apresentador revelou que vivia uma vida de bebidas e festas. “Com 17, 18 anos, está com pique. Ficava três dias virado direto, e sem droga, era só bebida. Melhorava e ia de novo. Saía da balada, pegava as meninas e levava para minha casa. Deixava elas dormindo, voltava do programa, elas estavam na sala e eu: ‘Qual o seu nome mesmo, menina?’. Eu sem dormir e a gente saía de novo”, contou Yudi.

O apresentador fez questão de enfatizar que era apreciador de bebidas alcoólicas, mas nunca se envolveu com drogas. “Droga eu nunca me envolvi, não tive curiosidade e nunca gostei, até porque a minha turma, do sertanejo, não usava droga, gostava de beber. Como eu trabalhava muito, o tempo que eu tinha, tinha que aproveitar. Tenho das 23h às 5h, é o tempo que tenho para ficar louco e arregaçar tudo”.

Acompanhando essa vida de baladas, os familiares de Yudi sofriam ao vê-lo dessa forma. “A minha mãe ficava louca. Ela não tinha mais controle, dizia: ‘O que vai ser do meu filho?’. Ela dizia: ‘Esse caminho não vai ter volta, uma hora tudo isso vai passar e a casa vai cair para você’. Deus me livrou de várias coisas”, disse o apresentador.

Mesmo com as noitadas, Yudi batia ponto e estava no SBT para comandar o Bom Dia e Cia. Na frente das câmeras ele aparentava estar bem, mas nos bastidores a situação era mais complicada. “Eu vomitava. Cheguei em um nível que chamava o desenho e corria para o banheiro para vomitar. Vi a minha vida indo para o ralo. Pouca gente via, ninguém sabia o que ia fazer no banheiro. Eu voltava normal, isso é o mais impressionante”.

Anos depois, Yudi conseguiu se livrar dessa vida de badalação. “Essas coisas mexiam um pouco comigo. Não me arrependo, pois tudo o que vivi foi um forte testemunho e tudo o que passei serviu de exemplo para outros jovens. Tudo aquilo era uma forma de buscar uma felicidade por tanta cobrança, esforço e responsabilidade. Meus pais largaram os empregos para viver a minha vida, eu precisava deles do meu lado. Eu sentia que tinha uma grande responsabilidade”, ponderou.

Em seu tempo no SBT, Yudi protagonizou alguns momentos divertidos. Em entrevista no Programa da Maisa, o apresentador lembrou quando atropelou Silvio Santos. “O corredor do SBT tem um chão bem liso e resolvi andar de skate lá. De repente, vejo um pé se aproximando. Olho para frente e era o Silvio Santos. Falei: ‘Ei, Silvio. Foi mal. Desculpa'”, relembrou.

Yudi Tamashiro
Yudi Tamashiro apresentou o Bom Dia e Cia. – Reprodução/SBT

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Marcos Paulo

Jornalista com anos de experiência na área de comunicação. Com passagens por veículos de prestígio, escreve no TV Foco sobre televisão e famosos. No tempo livre, está sempre acompanhado de livros ou assistindo séries.