Zezé Di Camargo

Zezé di Camargo anuncia morte trágica na Globo, expõe dor e sofrimento sem fim: “Família toda”

Zezé di Camargo surpreendeu na Globo - Foto: Reprodução
Zezé di Camargo surpreendeu na Globo – Foto: Reprodução

O Fantástico deste domingo (14) contou com a presença de Zezé di Camargo, que acabou lamentando a morte recente de seu pai famoso

O cantor Zezé di Camargo foi uma das atrações da Globo na noite deste domingo (14). É que ele foi convidado pelo Fantástico para lançar no dominical, em primeira mão, a música Matuto. Trata-se de uma homenagem a seu pai, Francisco, que morreu em novembro de 2020 e cujo anúncio foi feito ao vivo pelo cantor no programa jornalístico.

Sr Francisco, vale recordar, foi um dos grandes responsáveis pelo sucesso da dupla Zezé di Camargo & Luciano, mas para Zezé, seu pai não deve ser lembrado apenas por isso, e sim por outra coisa.  “O grande mérito do meu pai não foi o só fazer o nosso sucesso. O grande mérito do meu pai foi o sucesso que ele teve criando a família toda”.

Cantor destacou

Para cantar a música Matuto, Zezé di Camargo convidou a dupla Lorena e Rafaela para gravar com ele. Ainda na entrevista concedida ao programa comandado por Poliana Abrita e Tadeu Schmidt, Zezé expôs como se deu o processo de construção da letra da canção, que foi feita bem antes de chegar a notícia da trágica morte do pai.

Zezé di Camargo e seu pai, Francisco (Foto: Divulgação)
Zezé e seu pai, Francisco (Foto: Divulgação)

“A letra dessa música, eu fiz já mais de dois anos atrás. Quando eu comecei a fazer essa música, numa madrugada lá em casa, a letra, eu falei: ‘Essa música… Quem que é esse cara que eu estou falando?’. Falei: ‘Esse cara é o meu pai. Eu vou fazer uma música para o meu pai, falando do meu pai, do que ele é”, disparou o cantor no programa.

Participe agora do grupo do TV FOCO no Telegram e receba tudo sobre BBB - Clique aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Fernando Lopes

Escreve sobre televisão desde 2013.