Ana Hickmann Angélica Especiais Mais destaques

Angélica e Didi, estrelas da Globo, são enganados pelo destino e passam por mudanças drásticas em suas vidas após doença e tragédia

Da Globo, Angélica e Didi que é interpretado por Renato Aragão
Da Globo, Angélica e Didi que é interpretado por Renato Aragão (Foto: Montagem/TV Foco)

Neste especial do TV Foco, você verá como uma doença, um acidente ou mesmo um atentado, pode mudar significativamente a vida de alguém. Especialmente de um famoso da Globo ou da Record. Neste caso, falaremos das peças que o destino pregou em Angélica, Renato Aragão (Didi) e Ana Hickmann. Estrelas que estavam no topo ou seguiam por um caminho em sua carreira, mas fatores da vida pessoal e artística os obrigaram a mudar. Confira:

+ Depois de perder programa, esposa de Luciano Huck retoma a carreira infantil após 17 anos: “Adoro esse público e tenho muita gratidão”

+ Ícones da TV brasileira, Silvio Santos e Renato Aragão apresentam vícios duros de roer e deixam fãs preocupados

+ Famosa e podre de rica, Ana Maria Braga faz relato triste na TV e conta verdade destruidora: “Solidão terrível”

+ Munhoz e Mariano tem grande perda na dupla e cantor lamenta morte de parceiro: “Que Deus te receba aí no céu, meu irmão”

ANGÉLICA

A apresentadora Angélica, desde que foi afastada da Globo com o encerramento de seu programa Estrelas há alguns anos, ainda que ela esteja acertando com a emissora seu retorno as telas, sofreu uma drástica mudança. Claro que trabalhar por mais de 30 anos constantemente e agora ter mais tempo para si e a família já é uma baita mudança, mas Angélica mudou mesmo após sofrer com a síndrome do pânico, quando tinha 25 anos, e sobreviver a queda de uma avião com sua família.

Ainda que essas pareçam afirmações óbvias, a visão que Angélica tinha antes desses fatores era considerada supérflua. Ao Gshow, ela comentou o caso e seu processo de evolução. “Comecei muito nova, vivia uma pressão que não era para mim naquele momento. Passei por várias fases, sempre tentei ficar muito equilibrada, mas aos trancos e barrancos…”, iniciou a esposa de Luciano Huck, que apresenta o Cadeirão a cada sábado na Globo.

“E teve o acidente, que foi o que deflagrou tudo. Realmente acredito que de uma coisa muito ruim a gente pode fazer uma coisa boa”, disse Angélica na entrevista, e ainda afirmou que ao fazer meditação como tratamento ela descobriu que o acidente lhe trouxe uma calma que a loira não tinha.

Angélica faz um ensaio para o Gshow
Angélica faz um ensaio para o Gshow (Foto: Isabella Pinheiro/Gshow)

DIDI

Colega de Angélica, o humorista e ator Renato Aragão, mas conhecido do Brasil como Didi, vive uma situação parecida com a da loira na Globo. Na emissora carioca, Didi conquistou seu espaço e se consagrou com os Trapalhões, que foi produzido durante anos e anos, tendo a segurança de seu trabalho e especialmente de seu humor inocente, dificilmente ele se imaginaria longe das telas da Globo.

Ainda que Didi faça suas participações no Criança Esperança, onde é o maior padrinho do programa, sua última aparição foi uma participação especial no Tá no Ar em 2018. Talvez pelo fato do humor da emissora mudar a linguagem para o seu público, é só observar o tom do Zorra Total, talvez por isso que a Globo não tenha planos para um programa para Renato. Mas, esse ponto foi o de virada para o humorista, já que, curiosamente, ele conheceu o mundo das redes sociais. Ao criar um perfil no Instagram, o eterno Didi Mocó está ganhando as mídias graças a suas graças em suas publicações e estilo.

Veja uma delas:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Look do Didia pronto… Agora só estou esperando o convite para o churrasco de domingo.😊 📸: @lilianaragaooficial Produção: @acarolsl

Uma publicação compartilhada por Renato Aragão (@renatoaragao) em

ANA HICKMANN

Paralelo aos seus colegas Angélica e Renato Aragão, Ana Hickmann, do programa matinal Hoje em Dia da Record, passou por severas mudanças no quesito comportamento diante das telas. Assim que a loira sofreu o atentado com o psicopata que se dizia ser seu fã, para quem não se lembra, este rapaz tentou matar a apresentadora e foi morto pelo cunhado de Ana por legítima defesa, ela não foi relacionada a brigas com o elenco da emissora paulista de Edir Macedo. Telespectadores apontavam que Ana Hickmann não se dava bem com Chris Flores enquanto as duas dividiam espaço na Record.

Atualmente, ela toma mais cuidado com as suas redes sociais e especialmente quanto a sua segurança, já que o que ela passou foi muito forte e traumático.

Gostou desse especial de Thais Teles? Siga ela no Instagram e confira outras novidades: clicando aqui.

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.

ANÚNCIOS

ANÚNCIOS

Comentários recentes

CONHEÇA

ASSISTA!

;