Paula Fernandes

Paula Fernandes

Após notícia da prisão de Sérgio Reis, Paula Fernandez se evolve e confirma parceira: “derramamento de sangue”

Paula Fernandes segue confirmada no novo álbum de Sérgio Reis (Foto: Reprodução)
Paula Fernandes segue confirmada no novo álbum de Sérgio Reis (Foto: Reprodução)

Paula Fernandes segue poiando Sérgio Reis, mesmo depois de todas as polêmicas

Nessa segunda-feira (23), a assessoria da cantora Paula Fernandes informou que sua participação segue confirmada no novo álbum de Sérgio Reis. A sertaneja é a única que mantem a presença até o memento.

Nomes anteriormente confirmados na parceria como: Anastácia, Guarabyra, Guilherme Arantes, Maria Rita e Zé Ramalho, desistiram, após Sérgio Reis ser exposto em uma série de vídeos fazendo ameaças explícitas à democracia brasileira e a mais alta corte do judiciário do país.

Na ocasião, cantor teve uma reunião com empresários do agronegócio e caminhoneiros, com quem discutiu uma enorme manifestação. “Nós vamos parar 72 horas ninguém anda no país. Vai parar tudo. Não é só Brasília, é o país”, afirmou Sérgio Reis.

Veja também

O QUE DISSE CADA ASSESSORIA

Anastácia, que faria o dueto com Sérgio de Eu só quero um xodó, informou: “Sempre tive admiração e respeito por Sérgio Reis e seu trabalho artístico. Mas também declino minha participação no projeto”.

Guilherme Arantes, que cantaria Planeta água, disse: “Para mim, compositor, a gota d’água, sem querer brincar de trocadilho, foi esse colega dizer que não é frouxo, que não é mulher. Para mim, essa expressão bastou. Chega Não quero mais participar, e ponto final”.

Guarabyra, que participaria da música Sobradinho, escreveu: “De Sérgio Reis, sempre tive enorme admiração pelo trabalho, bom gosto, extrema musicalidade. No disco dele que irá sair, inclusive participaria em uma faixa, gravação dele de Sobradinho. Mas me considero incompatível com seu posicionamento atual e infelizmente declino do convite”. Através da redes sociais, o artista esclareceu que: “Tenho absoluto desprezo por quem despreza o debate leal e democrático e ameaça a democracia com medidas autoritárias – a ponto de divulgar vídeo em que há inclusive menção a derramamento de sangue, se necessário for – independente de quem seja: músico, colega, ou não.”

Zé Ramalho anunciou em comunicado que proíbe o cantor Sérgio Reis de usar no álbum a gravação de “Admirável gado novo” em dueto gravado em maio de 2019. “Agora em 2021, a gravação perdeu o sentido e tanto o compositor quanto sua editora não autorizarão a utilização da obra”, informou.

Já a assessoria de Maria Rita confirmou que a cantora, que participaria da música Romaria, deixou o projeto do álbum por causa das falas do cantor. Mas ela não quis se pronunciar mais sobre o assunto.

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Quem escreve

Barbara Lira

Bárbara Lira é uma jornalista recém-formada que sempre foi apaixonada por escrever boas histórias. Amar e ser realizada no trabalho é o mais importante para ela. Seu objetivo é evoluir um pouco a cada dia, para conquistar cada vez mais espaço e notoriedade no mercado.

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários