Globo

Globo

Após se envolver em crime grave, âncora da Globo se pronuncia e expõe emissora: “Aproveito para dizer”

Pedro Lins, âncora do NE1, desabafou após ser vitima de racismo (Foto: Divulgação/Globo)
Pedro Lins, âncora do NE1, desabafou após ser vitima de racismo (Foto: Divulgação/Globo)

O jornalista foi vitima de racismo por estar à frente de um jornal da líder de audiência

Nessa quinta-feira (26), Pedro Lins, âncora do NE1 da TV Globo Nordeste, em Pernambuco, decidiu se pronunciar após se envolver em um crime: o jornalista foi vitima de racismo.

Segundo o contratado da Globo, um telespectador preconceituoso teria questionado sobre sua “cor” e colocado em cheque a sua competência como profissional. “Falo com quem na Globo para parar de colocar vocês pretinhos para apresentar o jornal?”, disparou o criminoso à Pedro.

Nas redes sociais, o âncora desabafou sobre o ataque em um vídeo, onde começou explicando a situação:

Veja também

“Racismo não existe, é tudo mimimi.. Mas aí me perguntaram ontem de noite: ‘Falo com quem na Globo para parar de colocar vocês pretinhos para apresentar o jornal?’. Tô compartilhando isso aqui para dizer para você, que também passa por isso, que você não está sozinho”.

Por fim, o profissional da Globo revidou o preconceito recitando uma poesia do escritor paulista Pedro Martins:

“Aproveitar pra dizer também, como eu disse ontem a essa pessoa racista. Sorte? Não! Aqui tem muito trabalho, muita força, muito estudo e muita competência (…) E eu vou usou a poesia, como eu sempre faço: ‘Ele pensa que é melhor e tem mais capacidade, mas na verdade é maior a sua imbecilidade. Se o sangue é da mesma cor, e a pele é só uma carcaça, por que tanto desamor? Tanta arrogância de graça’”.

JORNAL DA RECORD ATACA GLOBO

A Record alfinetou a Globo sem dó na noite da última quarta-feira (25). O Jornal da Record anunciou novidades sobre a aprovação da Lei do Mandante, que tira o monopólio da concorrente em relação às transmissões de futebol.

A tal lei permite que o clube mandante escolha quais emissoras e quais serviços de streaming exibirão a partida. Além disso, 5% dos valores da partida serão distribuídos entre os jogadores do time, incluindo os reservas.

No discurso da Record, a jornalista Christina Lemos deu uma alfinetada na Globo: “O projeto praticamente enterra quase meio século de um monopólio sobre o futebol brasileiro”.

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Quem escreve

Barbara Lira

Bárbara Lira é uma jornalista recém-formada que sempre foi apaixonada por escrever boas histórias. Amar e ser realizada no trabalho é o mais importante para ela. Seu objetivo é evoluir um pouco a cada dia, para conquistar cada vez mais espaço e notoriedade no mercado.

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários