O QUE ROLOU?!

Demissão em massa e falência decretada: O triste adeus de empresa gigante após exigir o próprio fim

17/05/2024 às 4h00

Por: Lennita Lee
Imagem PreCarregada
Empresa tradicional pediu pela falência após não suportar a crise e concorrência (Foto Reprodução/Montagem/Lennita/Tv Foco/Mobra/Canva)

Empresa tradicional brasileira pediu pela auto falência após mais de 40 anos por não suportar a concorrência

E a onda implacável da crise financeira engoliu, com força, diversas empresas e companhias em todo o território nacional, principalmente no período pós Covid-19 (2022 para cá).

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Muitos desses nomes deixaram brasileiros em choque ao verem que dentre elas existem empresas gigantes que marcaram a história do país.

Inclusive uma empresa com 42 anos de atuação e que contava com 2,5 mil funcionários, acabou pedindo pelo seu próprio fim por não suportar a concorrência e uma crise ferrenha que enfrentou.

Estamos falando do Grupo Mobra, empresa atuante no setor de vigilância e facilites do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


Grupo Mobra. Foto: Reprodução/Internet
Grupo Mobra (Foto: Reprodução/Mobra)

Fechamento inevitável …

Pois é, apesar de tantos anos e confiança no mercado, em maio de 2023, por meio de um comunicado enviado a todos os seus funcionários parceiros, a empresa confirmou sua derrocada.

Veja também

Segundo o portal Edital Concursos, o comunicado deixou bem destacado que uma das principais razões que culminou nesta situação foi a concorrência desleal, com preços muito abaixo do mercado.

Isso sem falar dos impactos que a pandemia trouxe, o que os levou a um endividamento insustentável.

Segundo o que foi dito pelo próprio sócio administrador, Antônio Carlos Coelho, eles fizeram o que foi “humanamente possível” para garantir a permanência da empresa no mercado.

Mesmo estando há 43 anos no mercado, o Grupo Mobra não resistiu a crise (Reprodução: Internet)
Mesmo após 43 anos no mercado, a Mobra acabou pedindo pela sua falência (Foto Reprodução/ Internet)

Afinal de contas, esses preços incompatíveis da concorrência inviabilizaram ainda mais a operação de tentar “sobreviver”.

Funcionários na rua

Sem condições de pagar as suas dívidas, o pedido de falência do Grupo Mobra, foi protocolado no dia 21 de maio de 2023.

Vale destacar que essa foi a primeira vez em quatro décadas em que se começou a ter atrasos nos salários dos funcionários, constatados em janeiro de 2023.

Toda essa situação insustentável levou a consequências ainda mais difíceis como à rescisão de contratos por parte de alguns clientes.

Só para se ter uma vaga ideia, segundo o portal GZH, a dívida chegava a 15 milhões de reais, sem falar nessas dívidas com ordenados.

Empresa Mobra (Foto: Reprodução, Mobra)
A Mobra possuía grande importância no setor de serviços de segurança e era uma das mais tradicionais (Foto: Reprodução/Mobra)

Isso sem falar que houve também a proibição da participação em processos licitatórios.

VALE DESTACAR QUE o grupo quitou parte de suas dívidas trabalhistas.

Mas quando a falência da Mobra foi finalmente decretada?

De acordo com o Sindivigilantes, no dia 19 de junho de 2023, a juíza Giovana Farenzena, da Vara Regional Empresarial de Porto Alegre, decretou a falência da Mobra Serviços de Vigilância Ltda.

O que finalizou enfim o pedido de autofalência dos próprios donos, protocolado no mês de maio de 2023.

Importância da Mobra

Fundada desde 1980 no mercado, o GRUPO MOBRA ganhou a confiança e ficou reconhecida como uma das empresas mais tradicionais no ramo de segurança e serviços.

Era tão capacitada que a sua equipe realizava treinamentos periódicos, tanto internamente como em instituições autorizadas pela Polícia Federal, conforme as necessidades da atividade exercida.

Assim, o grupo garantia profissionais altamente qualificados e de acordo com as exigências legais, mantendo o padrão de qualidade na execução dos serviços.

🚨 Ex de Nahim em gu3rra com filha do cantor + Faustão e Fernanda Montenegro esnobam a Globo + Fraude de Matteus 

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia e os bastidores das principais emissoras brasileiras. Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ... Atualmente escrevo notícias sobre os últimos acontecimentos do cenário econômico, bem como novidades sobre os principais benefícios e programas sociais.

Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.