Celebridades Globo Jair Bolsonaro

Globo tenta esconder segredo sórdido dos bastidores do Jornal Nacional, mas verdade vem à tona: ‘Mamava na teta’

Jair Bolsonaro disse que a Globo e o Jornal Nacional, bem como outros veículos de mídia, "mamavam nas tetas do governo" (Foto: Reprodução)
Jair Bolsonaro disse que a Globo e o Jornal Nacional, bem como outros veículos de mídia, “mamavam nas tetas do governo” (Foto: Reprodução)

Em mais um ataque à Globo e ao Jornal Nacional, Jair Bolsonaro acusou a emissora de “mamar” nas tetas do governo em gestões anteriores a dele

O presidente Jair Bolsonaro voltou a atacar a Rede Globo e o principal telejornal da emissora carioca, o Jornal Nacional, a quem o mandatário acusa de “mamar nas tetas do governo”.

Ao comentar o quinquagésimo aniversário do Jornal Nacional, noticioso de maior audiência do país, e que foi criado um ano depois da implantação da ditadura civil-militar no país, Jair Bolsonaro ironizou a coincidência da data do surgimento do telejornal da Globo com o período histórico, uma vez que o regime é reconhecido por seu caráter de censura à imprensa – o presidente, no entanto, esqueceu de mencionar que, como a própria Globo já reconheceu, o conglomerado de mídias da família Marinho naquela época era simpatizante dos governos militares – em 2013, em um editorial no jornal O Globo, a empresa classificou como um “erro” o apoio ao regime.

+A Dona do Pedaço: Apaixonado por Agno, Leandro é pressionado por Chiclete e entra em pânico

+A Dona do Pedaço: Na miséria, Josiane sofre grave acidente e faz último pedido para Maria da Paz

Além de atacar o Jornal Nacional da TV Globo, Jair Bolsonaro também ironizou a criação da revista Veja, publicação semanal mais vendida do país, que até pouco tempo pertencia à família dos Civitas, e que foi fundada em 1968. As declarações irônicas e maliciosas do mandatário foram feitas durante sua visita à Anapólis, em Goiás, na última quarta-feira, 04.

“Olha só imprensa brasileira, vocês falam tanto em ditadura. Ela [a ditadura] se prima, entre outras coisas, por fechamento de jornais, rádios e televisões. A TV Globo nasceu em 1965, é uma empresa então ditatorial”, ironizou Jair Bolsonaro, ao ser instigado a comentar o aniversário de 50 anos do Jornal Nacional.

“A Veja nasceu em 1968. Agora o Jornal Nacional se prestou, como não tem mais teta, não estão mamando mais, não tem mais propaganda oficial do governo. O esporte é me atacar. Não vão conseguir, o coro aqui é grosso”, afirmou o presidente Bolsonaro.

Por fim, Jair Bolsonaro, após tecer críticas à revista Veja e ao Jornal Nacional da TV Globo, também partiu para o ataque, mais uma vez, contra o instituto Datafolha, pertencente ao grupo Folha de S.Paulo, após uma pesquisa feita pelo instituto mostrando um crescimento significativo de rejeição do presidente.

“Pelo Datafolha eu não sou presidente. Eu acredito mais em mula sem cabeça, saci-pererê e papai Noel do que no Datafolha. Não tem mais graça falar em Datafolha aqui. Datafolha não, datafake”, concluiu o mandatário.

Ainda esta semana, Jair Bolsonaro também utilizou uma matéria feita pelo Jornal da Record, replicada em seu perfil no Instagram, para fazer críticas e atacar os principais veículos de mídia do país (Globo, Folha, Estadão, entre outros), considerados por ele como seus inimigos.

Após briga fatal com Marcos Mion, máscara de Luciano Huck cai e passado vem à tona

“- Quem era obrigado, por lei, a publicar seus balancetes em jornais como Folha, Globo, Estadão, etc… fiquem ligados. – Nossa Medida Provisória visa liberá-lo dessa despesa bilionária. – Os donos desses jornais, para não perderem a mamata, já articulam para derrubar a MP”, escreveu Bolsonaro.

https://www.instagram.com/p/B1-_2JRh2yK/

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Redação TV Foco