CONFIRA!

Nova regra, bomba aos aposentados e lei em vigor: INSS confirma 3 reviravoltas e atinge aposentados em cheio


Aposentados do INSS (Foto: Reprodução, Montagem - TV Foco)

INSS divulga 3 grandes novidades parar aposentados

Recentemente, uma série de mudanças nas regras previdenciárias têm impactado diretamente os aposentados no Brasil. O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) confirmou três reviravoltas significativas, as quais têm gerado grande preocupação entre os beneficiários.

Essas mudanças, que já estão em vigor, abalam a estabilidade financeira daqueles que dependem dos benefícios previdenciários. A rapidez com que essas medidas foram implementadas pegou muitos de surpresa, deixando os aposentados em alerta e buscando compreender os novos desdobramentos que afetam diretamente suas vidas e suas finanças.

Aposentados, pensionistas e beneficiários de auxílios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) estão recebendo seus pagamento de corrigido. A Dataprev começou a rodar a folha de pagamento de janeiro com os reajustes. Os segurados que ganham acima do salário mínimo tiveram aumento de 3,71% e os que ganham abaixo do piso nacional, receberam o benefício reajustado em 6,97%.

Segundo o Governo Federal, atualmente, 25.931.724 pessoas recebem até um salário mínimo e 13.370.823 acima do piso nacional. Desse total, 5,8 milhões ganham benefícios assistenciais, segundo dados da folha de pagamento de dezembro.

Para saber a data do pagamento basta ver o número final do cartão de benefício, sem considerar o último dígito verificador, que aparece depois do traço.

Veja também

Vitória do INSS com anúncio oficial aos aposentados (Reprodução: Montagem TV Foco)
Vitória do INSS com anúncio oficial aos aposentados (Reprodução: Montagem TV Foco)

Para quem não tem acesso à internet, basta ligar para a Central 135. Ao ligar, informe o número do CPF e confirme algumas informações cadastrais, de forma a evitar fraudes. O atendimento está disponível de segunda-feira a sábado, das 7h às 22h.

Aumento no valor das contribuições

Com o aumento do salário mínimo para R$ 1.412, o valor, que entrou em vigor dia 1º de janeiro, também prevalecerá como piso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Assim, alíquota progressiva de contribuição para fins de recolhimento ao INSS também foi alterada.

Porém, da mesma forma, outros ajustes foram realizados. teto previdenciário, por exemplo, passou dos atuais R$ R$ 7.507,49 para R$ 7.786,02, medida retroativa a 1º de janeiro de 2024.

Anteriormente, a contribuição ao INSS variava entre 7,5% e 14% do salário, dependendo da faixa salarial do trabalhador. Com o novo reajuste, o valor máximo a ser pago pelos brasileiros atingirá R$ 181,19, com base no piso salarial vigente. Contudo, esse aumento nas contribuições representa um impacto significativo no orçamento dos beneficiários, que já enfrentam desafios financeiros em meio a um cenário econômico incerto.

Auxílio-doença

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) mudou a regra para trabalhadores que precisam solicitar o auxílio-doença. A partir de agora, os requerentes poderão pedir o benefício remotamente, sem precisar agendar exame médico ou passar por perícia.

🚨 Atacado de gigolô e DETONADA por Ana Maria, Davi process@ sem dó + Silvia Abravanel culpa Helen Ganzarolli por fim de noivado    

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Eu sou Wellington Silva, tenho 26 e sou apaixonado pelo mundo dos famosos e reality shows. Tenho formação em Técnico em Redes de Computadores pela EEEP Marta Maria Giffoni de Sousa e me considero redator por vocação. Sou aficionado pela vida dos artistas. Já trabalhei em sites focados em artistas musicais e atualmente trabalho em sites focados nas celebridades no geral. Faço matérias com foco em reality shows, salários dos famosos, cantores, e como um bom noveleiro que sou, sobre as grandes novelas. Posso ser encontrado nas redes sociais como: @ueelitu