Celebridades Globo

José Roberto Burnier é afastado da Globo após diagnóstico de câncer

José Roberto Burnier se afasta dos trabalhos da Globo para se dedicar ao tratamento de câncer (Foto: Reprodução)
José Roberto Burnier se afasta dos trabalhos da Globo para se dedicar ao tratamento de câncer (Foto: Reprodução)

Jornalista da Globo, José Roberto Burnier está afastado da Globonews e também de suas reportagens especiais para a emissora dos Marinhos para se dedicar ao tratamento após descoberta de um câncer.

O jornalista José Roberto Burnier está afastado de seus trabalhos na Globo após descoberta de um câncer, o contratado da emissora entrará em licença para se dedicar ao tratamento.

+ José Loreto passa dos limites e surge em foto polêmica: ” Transando e postando”

+ Rodrigo Faro surge arrasado após deixar a família e expõe drama para o público

+Lília Cabral abre o jogo sobre suposta briga com Marina Ruy Barbosa na Globo e fala de polêmicas na novela O Sétimo Guardião

Segundo o colunista da UOL, Ricardo Feltrin, Burnier teria descoberto um tumor na ponta da língua nas últimas semanas, e após consulta e exames foi diagnosticado com câncer bocal.

O jornalista da Globo deverá ficar afastado por três meses para o tratamento. Além de fazer algumas reportagens para Globo, José Roberto Burnier também é responsável por apresentar o programa Em Ponto, da GloboNews, jornal que apresenta as primeiras noticias do dia e vai ao ar das seis às nove da manhã.

Formado em Rádio e TV, pela FAAP,  José Roberto Burnier começou como estagiário na filial da Globo em Campinas, no ano de 1983. Depois de se destacar com matérias veiculadas nos telejornais em rede nacional, Burnier passou a integrar a equipe do Globo Rural em 1986. Em 1992 foi responsável por cobrir o massacre do Carandiru, que resultou em mais de 100 mortos.

Entre 1994 e 1996, atuou como editor chefe do Bom Dia São Paulo. Também foi responsável por cobrir a morte do piloto Ayrton Senna. Em 2000 somou seus trabalhos de apresentador de telejornal local com o Bom Dia Brasil. Em 2004 virou correspondente fixo da Globo em Buenos Aires, também responsável pro cobrir grandes acontecimentos na América Latina, como a revogação do mandato do presidente,  venezuelano Hugo Chávez.

Outras grandes coberturas também constam no currículo de José Roberto Burnier como o julgamento de Suzane Richthofen e dos irmãos Cravinhos, responsáveis pelo assassinato dos pais dela. A tragédia do avião da TAM em 2007 e o assassinato de Isabela Nardoni, em 2008. Em 2014 acabou sendo vítima de uma falsa testemunha que dizia ter presenciado a queda de avião do candidato a presidência Eduardo Campos, o falsário contou, ao vivo, ao Jornal Hoje, entre outras coisas, que chegou “a abrir os olhos” do presidenciável do PSB.

Em julho de 2018, José Roberto Burnier deixa as reportagens do Jornal nacional para se dedicar ao programa da Globonews, onde está atualmente, o jornalista ainda não se pronunciou sobre seu estado de saúde.

José Roberto Burnier, apresentador do GloboNews Em Ponto (Foto: Globo/Ramon Vasconcelos)
José Roberto Burnier, apresentador do GloboNews Em Ponto
(Foto: Globo/Ramon Vasconcelos)

 

Ver essa foto no Instagram

 

#bomdiasp #melhorjornal #bomdiasp40anos #rodrigobocardi #chicopinheiro #gloriavanique #carlavilhena #carlostramontina #joserobertoburnier

Uma publicação compartilhada por Rodrigo Bocardi (@fc_rodrigobocardi) em

TV Foco no Youtube

Podcast TV Foco

ANÚNCIO

Conheça nosso Podcast

ANÚNCIO

site statistics