Agora

Agora

Crise multimilionária : Maior varejista do Brasil se afunda junto com as Casas Bahia e fecha 130 lojas de vez

Varejista está se afundando junto com Casas Bahia. Foto: Reprodução/Internet
Varejista está se afundando junto com Casas Bahia. Foto: Reprodução/Internet

Uma varejista gigante do Brasil enfrenta uma crise multimilionária e se afunda junto com as Casas Bahia, após fechamento de lojas

Uma das maiores varejistas do Brasil enfrenta uma crise multimilionária, afundando junto com as Casas Bahia, resultando no fechamento definitivo de 130 lojas.

Funcionários na rua e falência confirmada na Globo: Marca popular de roupa não existe mais

FECHAMENTO

A Polishop, uma das maiores varejistas de eletrodomésticos e itens para casa do Brasil, está enfrentando dificuldades financeiras, o que levou a empresa a reduzir sua estrutura. As informações são do Valor, e foram veiculadas em julho.

Desde o final de 2021, a empresa vem fechando diversas lojas deficitárias, resultando em demissões e cortes de custos, como parte de um plano para reorganizar suas operações e buscar maior rentabilidade.

No final de 2021, a Polishop contava com 250 lojas, número que reduziu para 180 em dezembro de 2022 e, atualmente, está em 120 lojas. Além disso, shoppings de diferentes empresas moveram ações de despejo e execuções de títulos judiciais contra a Polishop devido a atrasos no pagamento de aluguéis.

Veja também

Entre o quarto trimestre de 2022 e julho de 2023, há 30 processos em andamento, representando R$ 9,39 milhões em aluguéis atrasados.

João Appolinário, fundador da Polishop, afirmou em entrevista que a empresa está passando por uma reorganização e mencionou diversos fatores que afetaram o negócio, como a queda na demanda após 2021, problemas na cadeia produtiva chinesa, aumento dos juros e o fim do auxílio emergencial. Ele também criticou as condições dos shoppings nas negociações de contratos.

A empresa planeja lançar franquias na segunda metade do ano como parte de um projeto de retomada nas vendas. Além disso, a Polishop pretende abrir lojas de rua próprias.

O fundador mencionou que esse plano já estava sendo discutido antes, mas agora ganha mais força devido à crise enfrentada. A ideia é buscar melhores acordos de aluguel nos empreendimentos onde decidir permanecer.

A reestruturação inclui mudanças administrativas, como a redução da sede para um local menor em 2021, além de cortes de gastos com pessoal e locação. Apesar do atual menor faturamento, a Polishop espera sair desse processo com margens de lucro mais altas ao longo do tempo.

Sonho de consumo, paixão do brasileiro e rival do McDonald’s: Falência e adeus de 3 lojas dos shoppings

Polishop. Foto: Reprodução/Internet
Polishop. Foto: Reprodução/Internet

Falência e portas fechadas: O triste fim de empresa enorme, rival da Coca-Cola ao ser obrigada a encerrar

Quantos funcionários tem a Polishop?

De acordo com o Mercado e Consumo, até janeiro deste ano, a Polishop contava com aproximadamente 3 mil funcionários e 280 lojas nos principais shoppings do país, além de quiosques. No entanto, houve uma redução desde então, com 122 unidades e 1,5 mil empregados.

Polishop. Foto: Reprodução/Internet
Polishop. Foto: Reprodução/Internet

🚨 Substitutos de Ana Maria batem boca + Ator diz que foi humilhado pela Globo + Adeus Rodriguinho?

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Assuntos

Polishop

Quem escreve

Larissa Santos

Cursando Relações Públicas na Universidade Anhembi Morumbi. Apaixonada por entretenimento e com passagens por outros sites como o AaronTuraTV, meu objetivo é informar com maior objetividade e clareza possíveis.