ACABARAM!

Falência, venda à Volkswagen e extinção: O fim de 3 montadoras de automóveis gigantes no Brasil após anos


Montadoras de carros (Foto: Reprodução - Doutor Multas)

Grandes montadoras de carros no Brasil tiveram o mesmo triste fim

A falência, venda à Volkswagen e extinção de três gigantes montadoras de carros no Brasil marcaram o fim de uma era na indústria automobilística do país.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

O desfecho dessas empresas, que outrora foram pilares da economia nacional, representa não apenas o declínio de suas operações locais, mas também reflete os desafios enfrentados pelo setor diante das mudanças globais, econômicas e tecnológicas.

A Chrysler do Brasil surge em 1967, fruto da aquisição da Simca pela Chrysler Corporation. A década de 1970 marca a idade de ouro da empresa, com modelos inovadores como o Dodge Dart e o Gran Torino dominando o mercado. O pioneiro “Cherokee”, apelidado de “Carro do Povo”, consolida sua posição de liderança.

Chrysler do Brasil - Foto Internet
Chrysler do Brasil – Foto Internet

Segundo informações divulgadas na Wikipédia, a crise do petróleo na década de 1980 abala a indústria automotiva. Carros com motores V8, como os da Chrysler, perdem atratividade e as vendas despencam. Em 1981, a empresa declara falência, vítima da má gestão financeira e das turbulências do mercado.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


Em um movimento estratégico, a Volkswagen adquire a fábrica da Chrysler em São José dos Campos em 1981. A partir daí, a fábrica abre um novo capítulo, incorporando a tecnologia alemã e produzindo modelos de sucesso como o Gol e o Passat.

Veja também

Fim de outras duas gigantes

A Fibrax foi uma empresa brasileira do ramo automobilístico sediada em Erechim, Rio Grande do Sul. Sua trajetória teve início em 1989 com a produção do buggy Bargus, que encontrou mercado principalmente na região Sul do Brasil, limitando-se a fabricar apenas dois carros por mês.

Montadoras de carros  (Foto: Divulgação)
Montadoras de carros (Foto: Divulgação)

Em 1991, apresentou seu segundo modelo, o carro esportivo Fiera, construído sobre o chassi de um Volkswagen 1600 e uma carroceria de fibra de vidro inspirada no Chevrolet Corvette, caracterizado por portas em estilo “asa de gaivota”.

De acordo com enformações no Wikipédia, antes de encerrar suas atividades no mesmo ano, a Fibrax também desenvolveu um projeto de picapes com cabine dupla, que, no entanto, não chegou a ser comercializado.

Pioneira de Carros Esportivo

A Nasser Brasil Motores (NBM) surgiu em 1984 com o ousado objetivo de fabricar carros esportivos de alto nível no Brasil. Sob o comando de Roberto Nasser, a empresa se destacou por sua inovação, apresentando modelos como o NM 2001 e o NM 900, que conquistaram o público e a crítica especializada.

Montadoras gigantes tiveram fim trágico e inesperado por todos  (Foto: Internet)
Montadoras gigantes tiveram fim trágico e inesperado por todos (Foto: Internet)

Apesar do sucesso inicial, a NBM enfrentou diversos obstáculos. A alta concorrência, as dificuldades financeiras e a instabilidade econômica da época representaram desafios consideráveis. Em 1988, após apenas quatro anos de atuação, a empresa foi obrigada a encerrar suas atividades.

Mesmo com sua curta existência, a NBM deixou um legado marcante na história do automobilismo brasileiro. Seus carros inovadores e ousados ​​demonstraram o potencial da indústria nacional para criar carros de alta qualidade. A NBM serviu como inspiração para outras empresas e entusiastas, perpetuando sua paixão pelo automobilismo e pela engenharia.

Quando a Volkswagen chegou no Brasil?

A Volkswagen chegou no Brasil em março de 1953, inicialmente como importadora de veículos. A produção local, no entanto, só teve início em 1959, com a inauguração da fábrica de Anchieta, em São Bernardo do Campo, São Paulo.

O primeiro modelo produzido no Brasil foi o famoso Fusca, que se tornou um ícone da indústria automotiva nacional.

🚨 Davi troca medicina por programa na TV + Piovani ESCULACHA Neymar + Mion reage a boatos de traiç@o         

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Eu sou Wellington Silva, tenho 26 e sou apaixonado pelo mundo dos famosos e reality shows. Tenho formação em Técnico em Redes de Computadores pela EEEP Marta Maria Giffoni de Sousa e me considero redator por vocação. Sou aficionado pela vida dos artistas. Já trabalhei em sites focados em artistas musicais e atualmente trabalho em sites focados nas celebridades no geral. Faço matérias com foco em reality shows, salários dos famosos, cantores, e como um bom noveleiro que sou, sobre as grandes novelas. Posso ser encontrado nas redes sociais como: @ueelitu