TV Foco

Paulo Ricardo se engana, declara morte de cantor do RPM que permanece vivo e é detonado: “patético”

O ex-cantor do RPM, Paulo Ricardo (Foto: Divulgação)
O ex-cantor do RPM, Paulo Ricardo (Foto: Divulgação)

Neste domingo, 2, Paulo Pagni, baterista do RPM, que está internado em estado grave na UTI do hospital São Camilo, foi dado como morto por engano. Quem divulgou a errônea informação foi a página oficial do RPM no Instagram.  Paulo Ricardo acreditou na “fake news” e postou uma homenagem ao músico, mas, ao ver o engano, voltou atrás e se desculpou com os internautas.

+ Viviane Araújo decide falar e conta a verdade sobre affair com o ex de Paolla Oliveira

+ Ana Maria Braga: Tatá Werneck debocha da apresentadora e revive desfeita de Taís Araújo no Mais Você

+ Anitta é alfinetada por Luana Piovani em seu canal, abre o coração e revela o que pensa sobre

“Nesses tempos de desinformação e irresponsabilidade geral, lamento profundamente a confusão feita com o estado de saúde do PA. Vou visitá-lo e depois divido com vocês o que vi. Infelizmente não dá para confiar em ninguém…”, alfinetou ele.

Eis que então o agente do RPM, Airton Valadão Jr. decidiu expor a verdadeira relação de Paulo e PA, e detonou o antigo vocalista da banda nas redes sociais.

“Cabe a mim esclarecer alguns absurdos que tenho presenciado, situações que me enojam, mas não me surpreendem, porque conheço bem o lado de quem, de maneira desleal e oportunista, tenta tirar algum proveito. Deluqui, Schiavon e Dioy vem prestando apoio irrestrito ao P.A desde março de 2017, quando pela enésima vez, o músico Paulo Ricardo decidiu sair da banda para seguir sua carreira de cantor pop/romântico. Nunca mais se viram, nunca mais se falaram desde então. Pelo contrário, embates jurídicos ocorreram e P.A e P.R sempre em lados opostos. (…) Recebi um post de minha assessoria de mídias sociais sobre mais uma infeliz declaração deste músico chamado Paulo Ricardo, ex-integrante do RPM. Confesso que não entendo como até em momentos delicados e tristes como este um ser humano consegue ser irresponsável ao ponto de colocar em suas badaladas mídias sociais o endereço do hospital onde P.A se encontra em estado gravíssimo, na UTI, com acesso pra lá de limitado, restrito à uma ou duas pessoas. Entendo que o intuito aqui é mostrar que ele está a par das coisas, que até sábado, pareciam não ter a menor importância. Convocação mais absurda esta!”, disse ele.

+ Após cobertura constrangedora, Jornal Nacional vira piada e é comparado com o TV Fama ao tratar sobre o caso de Neymar

Visivelmente irritado com as atitudes de Paulo Ricardo, Airton continuou: “Patético, mas não me espanto, vindo de quem veio. O que este Sr. tem em mente dizendo que irá lá para averiguar? Por que não o fez semanas ou meses antes quando em outras oportunidades a saúde do P.A estava abalada e nenhum contato foi feito? Por que na semana passada, de maneira antiética e também irresponsável, colocou em suas mídias sociais a causa da internação do P.A? Com que direito fez isso sem consultá-lo? Que jogo de exploração da tragédia alheia, oportunismo. Que vergonha! Que situação repugnante e nojenta!” alegou ele.

TV Foco no Youtube

Sobre o autor

Nayara Bolognesi