Emissoras Globo ighome

Globo, em meio à crise, aposta em trunfo após apelo do público e dá volta por cima

Claudia Raia (Donatela) e Patrícia Pillar (Flora) em A Favorita; novelas antigas viraram trunfo da Globo (Foto: Divulgação/Reprodução/Globo)
Claudia Raia (Donatela) e Patrícia Pillar (Flora) em A Favorita; novelas antigas viraram trunfo da Globo (Foto: Divulgação/Reprodução/Globo)

Globo passou a apostar em trunfo que é pedido antigo do público para impulsionar streaming

Em meio à crise de receitas e de conteúdo causada pela pandemia, a Globo decidiu apostar suas fichas em um trunfo: as novelas antigas. Já com o conteúdo fazendo sucesso na TV paga, a emissora resolveu colocar suas fichas nas tramas para alavancar seu streaming, o Globoplay.

Além da falta de programas e novelas inéditas para a TV aberta, o coronavírus impôs um novo problema para a Globo: a falta de novos conteúdos em sua plataforma de streaming. Séries que estavam em produção, como Segunda Chamada, por exemplo, tiveram gravações interrompidas por causa da quarentena.

+ Apresentador do Balanço Geral é internado às pressas e corre risco de morte na UTI

+ Mario Frias comete erro grotesco e vira piada após gafe na internet: “Apagou correndo”

O TRUNFO

A Globo, então, apelou para seu núcleo de humor, com programas feitos remotamente, e a um trunfo na dramaturgia: suas antigas novelas. A disponibilização dos folhetins era um desejo antigo do público, sempre muito pedido, mas nunca atendido.

A prioridade da emissora era lançar novas séries para fazer frente às principais concorrentes no mercado de streaming, como Netflix e Amazon. Em meio à crise, no entanto, a Globo finalmente enxergou o trunfo que tinha em mãos e deu a volta por cima, se destacando mais que as rivais.

Globoplay teve crescimento com novelas antigas no catálogo (Foto: Reprodução)
Globoplay teve crescimento com novelas antigas no catálogo (Foto: Reprodução)

GLOBO TEM CRESCIMENTO NO STREAMING COM NOVELAS ANTIGAS

O Globoplay inaugurou o projeto com A Favorita, sucesso de João Emanuel Carneiro exibido em 2008. Na sequência, apostou em Tieta (1989), Explode Coração (1995) e Estrela-Guia (2001). As próximas serão Vale Tudo (1988) e Laços de Família (2000). E o projeto já faz sucesso. Além da repercussão, trouxe crescimento na base de assinantes da plataforma.

Também estão em processo de resgate, ainda sem data definida para publicação, títulos como: Dancin’ Days (1978), Pai Herói (1979), Baila Comigo (1981), Guerra dos Sexos (1983), Vereda Tropical (1984), A Gata Comeu (1985), Roque Santeiro (1985), Selva de Pedra (1986), Sinhá Moça (1986), Brega e Chique (1987), Sassaricando (1987), Bebê a Bordo (1988), Fera Radical (1988), Que Rei Sou Eu? (1989), Top Model (1989), Rainha da Sucata (1990), Barriga de Aluguel (1990), Meu Bem, Meu Mal (1990), O Dono do Mundo (1991), Felicidade (1991), Vamp (1991), Pedra Sobre Pedra (1992), Fera Ferida (1993), Renascer (1993), Quatro Por Quatro (1994), Tropicaliente (1994), A Viagem (1994), A Próxima Vítima (1995), História de Amor (1995), O Fim do Mundo (1996), A Indomada (1997), Torre de Babel (1998), Força De Um Desejo (1999), Terra Nostra (1999), Porto dos Milagres (2001), O Clone (2001), Chocolate Com Pimenta (2003), Mulheres Apaixonadas (2003) e Cabocla (2004).

+ Gêmeos se ilude por excesso de carência, Sagitário mostra ousadia: Horóscopo do dia (07/07)

Além disso, a Globo também liberou o primeiro capítulo de todas as tramas grátis. “As novelas são parte da memória afetiva do brasileiro. A liberação do primeiro capítulo de todas as obras do nosso acervo vai permitir aos nossos usuários, inclusive os não assinantes, se conectarem com a própria história”, declarou Ana Carolina Lima, head de Conteúdo do Globoplay.

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Vitor Peccoli

Publicitário, Vitor escreve sobre TV desde 2013 e, aqui no TV Foco, traz as principais notícias do surpreendente mundo da televisão e seus bastidores.
E-mail: vitor@otvfoco.com.br