Celebridades

Gusttavo Lima e outros faturam milhões com lives, mas veem fundo do poço e falência do formato: “E agora”

Gusttavo Lima fez sucesso com live. (Foto: Reprodução)
Gusttavo Lima fez sucesso com live. (Foto: Reprodução)

Lives bombaram no início da quarentena, mas público vem perdendo o interesse e artistas têm que procurar solução

Muitas bandas, duplas sertanejas e cantores solos estavam preocupados com a pandemia de coronavírus, que fez com que os shows fossem proibidos no Brasil por tempo indeterminado. Porém, surgiu uma luz no fim do túnel: as lives.

Inicialmente, o público adorou a ideia, já que poderiam acompanhar todas as apresentações ao vivo de seus artistas favoritos, o que nem sempre era possível através dos shows presenciais.

+ Ao vivo, Sikêra Jr tem passado exposto na TV, família diz a verdade sobre ele e jornalista perde o chão: “Não gosto”

+ Antonia Fontenelle escancara possível traição, joga nome de Eduardo Costa na roda e diz tudo: “foi chifre mesmo”

+ Band dá cartada histórica para tirar Rachel Shehezarade do SBT, dá programa bomba para ela e desfecho é anunciado

Com isso, as lives bombaram de forma imediata, atingindo milhões de pessoas, e além disso, artistas famosos como Gusttavo Lima, Luan Santana, Jorge & Matheus, entre outros, faturaram alto com a possibilidade de fazerem merchandising durante as apresentações.

No entanto, assim como várias coisas na vida, quando a novidade deixa de ser novidade, logo faz com que as pessoas percam o interesse. Acontece que antes, com os shows presenciais por várias cidades, os artistas atingiam fatias diferentes do público por vez, renovando o interesse e criando expectativa por novas apresentações com um prazo maior.

Porém, com as lives que atingem um público amplo de uma única vez e de forma repetitiva, já está havendo um desgaste, que faz com que as pessoas percam o interesse pelas apresentações e provoque uma queda brusca na audiência. Diante deste cenário, muitos artistas já estão se perguntando: “E agora?”.

Wesley Safadão fez live com Raça Negra. (Foto: Reprodução)
Wesley Safadão fez live com Raça Negra. (Foto: Reprodução)

ALTERNATIVA

Desesperados, os artistas já buscam uma solução para contornar a crise, e parecem terem encontrado uma alternativa que pode virar tendência: parcerias.

Para não tornar os shows repetitivos para o mesmo público, os músicos optaram por realizar lives em parceria com artistas diferentes, o que permite unir os fãs, aumentando a audiência e trazendo algo novo.

Wesley Safadão, por exemplo, é um dos primeiros a adotar essa nova proposta de parceria, já tendo realizado uma live bastante comentada com o grupo Raça Negra, e tendo marcado para o próximo sábado (20) uma live especial de São João em parceria com Luan Santana.

“As lives não podem ser compostas apenas por repertório repetitivo. É preciso ser uma resenha com os fãs, quase como um programa de TV. A chance de assistir a encontros inéditos é um bom atrativo para voltar a chamar a atenção dos fãs”, declarou o empresário digital João Mendes ao site Metrópoles.

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Renan Santos

Atuando também como roteirista de TV e cinema, Renan é redator e colunista do TV FOCO desde 2014, noticiando e criticando o mirabolante e imprevisível universo televisivo e dos famosos.