Entrevistas Globo Órfãos da Terra

Bruno Cabrerizo projeta carreira na Globo, fala da distância dos filhos e de romance proibido de seu personagem em Órfãos da Terra

Bruno Cabrerizo em Órfãos da Terra
Bruno Cabrerizo em Órfãos da Terra (Foto: Divulgação/Globo)

Nós do TV Foco estivemos na festa de lançamento feita para promover a nova novela das seis Órfãos da Terra e batemos um papo bom com o ator Bruno Cabrerizo que anda ganhando destaque na Globo. Ele comenta sobre sua carreira, sobre a saudade de seus filhos e mesmo quem é o seu personagem na trama.

+ Órfãos da Terra: Emanuelle Araújo conta detalhes de intrigante personagem, define Samantha e faz revelação sobre a Globo e Netflix

TV FOCO: Qual são as suas expectativas para o desempenho de Órfãos da Terra?

Bruno Cabrerizo: “A expectativa obviamente é a mais alta possível, é minha segunda novela e meu terceiro produto na casa, nesse meio tempo eu fiz Natal Perfeito. Cara, a direção artística é feita por Paulo Fernandes, escrita por Thelma e Duca, eu acho que não tem como errar por isso eu tô muito feliz e não vejo a hora da novela entrar no ar. Estamos ansiosos para mostrar nossa história ao público”.

TV FOCO: Quem é o seu personagem na novela das seis Órfãos da Terra?

Bruno Cabrerizo: “Eu faço o Houssein Zarif que é um dos capangas do sheik Aziz Abdallah que é interpretado pelo Herson Capri, ele é primo do protagonista Jamil, personagem do ator Renato Góes, nós dois fomos adotados pelo sheik árabe e temos uma gratidão enorme por ele, mas em determinado momento da história de Órfãos da Terra as coisas se complicam. Houssein é um cara muito ligado no seu primo e ele acaba se apaixonando pela primeira esposa de seu patrão então ele vai começar a questionar alguns dos comportamentos do sheik. Eles vão bater de frente e logo acontecerão as reviravoltas na trama”.

+ Em ação inédita, Globo disponibilizará capítulos de Órfãos no GloboPlay antes da TV

TV FOCO: Como vai ser essa paixão secreta de Houssein por Soraia (Letícia Sabatella)?

Bruno Cabrerizo: “É um típico amor proibido o deles, um amor reprimido, até então ele não sabe que ela sente a mesma coisa e quando ele descobre isso será o momento que Houssein irá se abrir e decidir viver esse amor, mas aí vão ser descobertos e terão as consequências”.

TV FOCO: Você acha que essa novela é importante para o momento em que o mundo está vivendo agora?

Bruno Cabrerizo: “Completamente! É um tema atual, é necessário a gente passar essa informação sobre a questão dos refugiados em guerra e principalmente de amor ao próximo né? Essa questão da xenofobia é muito forte, atualmente milhares e milhares de refugiados chegam na Europa fugindo da Síria, por exemplo, uns são da Líbia ou da África e tentam a sorte em outros países, mas lá encontram uma realidade dura, encontram a discriminação na maioria das vezes e a gente aqui sequer imagina o que eles passam. Por isso é importante contar essa história, é necessário!”.

+ Ex-casal na vida real, Eliane Giardi e Paulo Betti fazem par romântico em Órfãos da Terra e surpreendem com relação

TV FOCO: Qual a principal diferença do que foi seu papel como Inácio em Tempo de Amar para esse personagem de Órfãos da Terra?

Bruno Cabrerizo: “Inácio era o herói, o bonzinho de Tempo de Amar, não errava, se apanhava na novela, ele dava o outro lado do rosto para apanhar também, enfim ele era o clássico herói. O Houssein ele é do bem, um cara com uma hombridade muito grande, mas é um cara que falha. Em determinado momento de Órfãos da Terra ele terá uma falha grave com o sheik no instante que ele decidir seguir o sei amor por Soraia, dentro da cultura árabe isso é muito perigoso, o que eles chamam de traição, não posso dar mais detalhes por fica mais interessante assistir”.

TV FOCO:  Bruno, você já tem uma visão para a sua carreira no futuro? Vai seguir fazendo novelas na Globo ou pode fazer trabalhos no exterior?

Bruno Cabrerizo: “Eu não sei ainda, eu vivo o presente, atualmente eu estou em Órfãos da Terra até o fim de setembro, depois eu vou fazer teatro a princípio aqui no Brasil. A princípio é isso, Eu não sei do amanhã, mas eu tenho contrato com a Globo então depende de muitas variantes que eu não tenho controle. Mas eu posso contar para vocês que eu tô trabalhando aqui, tô feliz e quando não tô trabalhando eu volto pra Itália e fico com meus filhos”.

+ Órfãos da Terra: Fugidos do oriente, Jamil e Laila vivem romance proibido e ficam na mira de vingança maligna

TV FOCO: Enquanto você trabalho no Rio de Janeiro, seus filhos estão morando na Itália, como você lida com essa distância e com a saudade?

Bruno Cabrerizo: “Meus filhos, Gaia e Elia, são minha vida, minha base. Eu falo com eles diariamente, inclusive de madrugada. Lógico que sinto muita saudade, não poderia ser diferente, pelo menos pra mim. Como eu falo com eles constantemente eu dou graças a Deus que existe a tecnologia e fazer o que eu tô trabalhando, eles tem essa consciência, eu faço de tudo por eles”, finalizou.

+ Órfãos da Terra: Laila foge de Aziz após descoberta triste sobre o irmão

Bruno Cabrerizo foi repórter do Gshow
Bruno Cabrerizo foi repórter do Gshow (Foto: Reprodução/Globo)

NÚCLEO DE BRUNO CABRERIZO EM ÓRFÃOS DA TERRA

Na mesma Beirute que abriga o campo de refugiados, está localizada a suntuosa mansão de Aziz Abdallah (Herson Capri), um poderoso sheik árabe, radicado no Líbano. Multimilionário e dono de inúmeros negócios, ele vive com suas três mulheres e filhas. Soraia (Letícia Sabatella) é a sua primeira esposa e mãe de Dalila (Alice Wegmann). As outras duas, Fairouz (Yasmin Garcez) e Áida (Darília Oliveira), têm ainda menos importância dentro do harém de Aziz. Além de terem vindo depois, nenhuma delas, assim como Soraia, foi capaz de dar ao sheik um filho homem.

Na falta de um herdeiro varão, Aziz elege Dalila como a filha preferida. Ele a vê como sua sucessora na presidência das empresas. Para isso, a jovem está sendo educada nas melhores escolas de Londres. Machista e obcecado por poder, Aziz percebe nela uma inteligência incomum, além de arrojo, determinação e ambição. Características que o pai está convicto de que ela herdou dele. Justamente por isso, Dalila é o orgulho de Aziz.

+ Público acusa Neymar e Silvio Santos de jogarem fama e reputação na lama após apoiarem Bolsonaro

Além da família Abdallah, na mansão também vive o séquito de empregados e homens de confiança do sheik. Um deles é Jamil Zariff (Renato Góes). Mais do que um funcionário, Jamil é afilhado de Aziz. O sheik o resgatou, ainda criança, junto de seu primo, Houssein (Bruno Cabrerizo), em um orfanato para lhes dar casa, comida e estudos. Em troca, Aziz exige extrema lealdade e dedicação, em qualquer ocasião e circunstância.

E, justamente para manter-se leal, Houssein Zarif (Bruno Cabrerizo) esconde a paixão que sente por Soraia (Letícia Sabatella). Uma lealdade quase cega também move Fauze (Kaysar Dadour), outro guarda-costas de Aziz, e Youssef Abdallah (Allan Souza Lima), sobrinho do sheik. Louco por Dalila (Alice Wegmann), ele faz de tudo para provar ao tio que merece se casar com sua filha.

+ Com divórcio conturbado, sendo xingada de “burra”, Débora Nascimento quebra o silêncio e dispara: “Muita dor”

Mas é Jamil (Renato Góes) o escolhido para se casar com a filha do sheik. Escolha feita pela própria Dalila, que o deseja em segredo desde de muito jovem. A mão da moça é então oferecida por Aziz ao jovem empregado, como recompensa, após um grande ato de lealdade do rapaz para com seu patrão. Jamil, no entanto, sonha se casar por amor, com uma jovem de sua escolha.  Ele rechaça o enlace com Dalila, uma moça cujo rosto jamais viu.

Gosta das notícias publicadas por Thais Teles? Siga ela no Instagram: clicando aqui.

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.

ANÚNCIOS

ANÚNCIOS

Comentários recentes

CONHEÇA

ASSISTA!

;