TV Foco

EspeciaisTV Foco

Mulheres Apaixonadas: relembre essa novela inesquecível

Cenas de Mulheres Apaixonadas, novela da Globo
Cenas de Mulheres Apaixonadas, novela da Globo (Reprodução)

Mulheres Apaixonadas é uma telenovela produzida pela TV Globo, transmitida originalmente de 17 de fevereiro a 10 de outubro de 2003, em um total de 203 capítulos, sendo que o último capítulo foi reprisado em 11 de outubro de 2003. A novela entrou no lugar de Esperança e foi sucedida por Celebridade.

Alcançou uma média final de 47 pontos de audiência, representando um aumento de 9 pontos em comparação aos 38 pontos registrados pela novela anterior, Esperança. Essa elevação na audiência demonstra o sucesso e o envolvimento do público com a trama.

Fique por dentro do que vai acontecer nos próximos capítulos da sua novela preferida

Mulheres apaixonadas: uma novela que marcou época

A trama foi escrita por Manoel Carlos, com a colaboração de Maria Carolina, Fausto Galvão e Vinícius Vianna. A direção da novela foi compartilhada por José Luiz Villamarim, Marcelo Travesso, Rogério Gomes e Ary Coslov, com a direção geral de Ricardo Waddington, Gomes e Villamarim, e a direção de núcleo a cargo de Waddington.

Posteriormente, a novela foi reprisada no programa Vale a Pena Ver de Novo, entre 1º de setembro de 2008 e 27 de fevereiro de 2009, em um total de 130 capítulos.

Veja também

O canal Viva, que pertence à Globosat, exibiu a novela completa como parte das comemorações dos dez anos do canal, entre 24 de agosto de 2020 e 16 de abril de 2021.

A partir de 29 de maio de 2023, a novela será reprisada novamente no programa Vale a Pena Ver de Novo, substituindo O Rei do Gado. Essa segunda reprise ocorre no ano em que a novela completa 20 anos de sua estreia, e também marca o aniversário de 90 anos do autor Manoel Carlos.

Enredo de Mulheres Apaixonadas

Mulheres Apaixonadas  conta a história de diversas mulheres em diferentes estágios de suas vidas e relacionamentos. A trama aborda temas como amor, paixão, traição, violência doméstica, preconceito e amizade.

A protagonista da história é Helena, uma mulher casada com Téo, um saxofonista de uma banda de jazz. Apesar de ter um casamento estável, Helena sente a falta da paixão e questiona sua verdadeira felicidade ao lado dele. Ela é diretora da Escola Ribeiro Alves (ERA), que pertence ao marido e à sua cunhada, Lorena.

Helena tem duas irmãs, Hilda e Heloísa, que também são casadas. Hilda é esposa de Leandro e Heloísa é casada com Sérgio, por quem Helena sente um ciúme doentio. As três irmãs são confidentes e compartilham suas angústias e incertezas sobre o futuro e a busca pela felicidade.

No decorrer da história, Helena começa a desconfiar que Téo está tendo um caso com Fernanda, uma ex-garota de programa. No entanto, ela não sabe que Fernanda é a mãe biológica de Lucas, filho adotivo do casal, e essa descoberta só acontece após a morte da mulher.

Em meio a essas dúvidas e conflitos, Helena reencontra César, um antigo amor que ela abandonou para se casar com Téo. Esse reencontro faz com que ela questione as escolhas que fez em sua vida e se pergunte se teria se casado com a pessoa certa. César, que ficou viúvo, é um neurocirurgião na mesma cidade onde mora Helena e trabalha na clínica onde sua enteada Luciana também é funcionária. Marcinha, filha de César, estuda na escola ERA, o que aproxima ainda mais os personagens.

César guarda ressentimentos em relação ao abandono sofrido por Helena no passado e se tornou um homem rude e temido por seus colegas de trabalho na clínica. Ao longo da novela, os relacionamentos e as emoções dessas mulheres são explorados, revelando segredos, desejos reprimidos e o impacto das escolhas feitas ao longo de suas vidas.

Fique por dentro das principais notícias e o resumo dos próximos capítulos da sua novela preferida

Personagens e elenco de Mulheres Apaixonadas

A novela contou com um elenco diversificado, repleto de talentosos atores e atrizes que deram vida a personagens marcantes.

  • Christiane Torloni como Helena Moraes Ribeiro Alves
  • José Mayer como Dr. César Andrade de Melo
  • Tony Ramos como Téo Ribeiro Alves
  • Susana Vieira como Lorena Ribeiro Alves
  • Giulia Gam como Heloísa Moraes Vasconcelos
  • Marcello Antony como Sérgio Vasconcelos
  • Helena Ranaldi como Raquel de Almeida Martins
  • Dan Stulbach como Marcos Soares Mendonça
  • Carolina Dieckmann como Edwiges Batista
  • Erik Marmo como Cláudio Gonzaga Moretti
  • Camila Pitanga como Drª. Luciana Ribeiro Alves
  • Rodrigo Santoro como Diogo Ribeiro Alves Nogueira
  • Vanessa Gerbelli como Fernanda Machado Oliveira
  • Vera Holtz como Santana Gurgel
  • Lavínia Vlasak como Estela de Azevedo Franco
  • Nicola Siri como Padre Pedro Vicenza
  • Regiane Alves como Dóris de Souza Duarte
  • Marcos Caruso como Carlos de Souza Duarte (Carlão)
  • Martha Mellinger como Irene Duarte
  • Oswaldo Louzada como Leopoldo Duarte
  • Carmem Silva como Flora de Souza Duarte
  • Maria Padilha como Hilda Moraes Sampaio Vianna
  • Eduardo Lago como Leandro Sampaio Vianna
  • Carolina Kasting como Drª. Laura Medeiros
  • Natália do Vale como Silvia

Abaixo, um resumo dos principais personagens e seus respectivos atores:

Helena (Christiane Torloni)

Personagem principal, vivida por Christiane Torloni, que passa por diversas transformações e dilemas pessoais. Ela reencontra César Batista (José Mayer), um antigo amor que ela abandonou para se casar com Téo (Tony Ramos). Esse reencontro faz com que Helena repense suas escolhas e se questione se teria se casado com a pessoa certa.

Além disso, Helena descobre suspeitas de traição por parte de Téo, relacionadas a um possível caso com Fernanda (interpretada por Vanessa Gerbelli), uma ex-garota de programa.

César (José Mayer)

Interpretado por José Mayer. Um neurocirurgião viúvo e representa um antigo amor na vida de Helena. César guarda ressentimentos em relação ao abandono que sofreu por parte de Helena, quando ela decidiu se casar com Téo. Esses ressentimentos moldaram sua personalidade, tornando-o um homem rude e temido pelos colegas de trabalho na clínica onde atua. O reencontro entre César e Helena traz à tona questões não resolvidas do passado

Laura Medeiros (Carolina Kasting)

Laura, vivida por Carolina Kasting, é uma especialista em neurologia, assistente de César (José Mayer). Presença constante na vida de César, tanto no ambiente de trabalho quanto nos escassos momentos de lazer do médico, que é viúvo. Com o falecimento de Isabel (Cris Bonna), Laura nutre uma forte esperança de poder assumir oficialmente seu relacionamento com o médico, por quem é profundamente apaixonada.

Teófilo Ribeiro (Tony Ramos)

Téo, vivido por Tony Ramos, é formado em literatura mas não exerce a profissão. Apaixonado pela música, se dedica a tocar saxofone em uma banda que se apresenta em um bar localizado em um hotel do Rio de Janeiro.

Téo já foi casado com Helena (Christiane Torloni), é irmão de Lorena (Susana Vieira), pai de Luciana (Camila Pitanga), fruto de um romance com a cantora Pérola (Elisa Lucinda).

O saxofonista também pai de Salete (Bruna Marquezine) e Lucas (Victor Curgula), filhos de Fernanda (Vanessa Gerbelli), ex-garota de programa.

Salete Machado (Bruna Marquezine)

Téo teve um envolvimento amoroso com Fernanda (Vanessa Gerbelli), que naquela época trabalhava como profissional do sexo. Desse relacionamento, nasceu Lucas, que foi adotado por Téo e Helena (Cristiane Torloni).

Após o falecimento de Fernanda, Téo luta para obter a guarda de Salete (Bruna Marquezine) e livrá-la completamente das garras maliciosas de Inês (Manoelita Lustosa), a avó gananciosa da menina. Inês fará de tudo para tirar dinheiro de Téo e maltratar a criança. Felizmente, por meio de um teste de DNA, Téo descobre que também é pai biológico de Salete, e com o resultado do exame, Inês é impedida de continuar a atormentá-los.

Luciana Ribeiro (Camila Pitanga)

Luciana, vivida por Camila Pitanga, é fruto da relação entre Téo (Tony Ramos) e Pérola (Elisa Lucinda), e mantém uma ótima relação com os pais. Ela é muito amada pela família paterna e tem um excelente convívio com seu padrasto, o músico Ataulfo (Laércio de Freitas), e com seu meio-irmão Jairo (Diego Jack), que é filho do atual relacionamento de sua mãe. Luciana é uma médica em residência e divide um apartamento com sua amiga Tereza (Tila Teixeira).

Temas polêmicos abordados em Mulheres Apaixonadas

A trama aborda a complexidade dos relacionamentos amorosos e as diversas facetas do amor, explorando os desafios e as transformações pelas quais os personagens passam ao longo da trama. Trazendo diversos temas sociais relevantes, como a violência contra a mulher, a violência contra idosos, a homossexualidade e até mesmo um amor proibido envolvendo um padre.

Violência doméstica

Em Mulheres Apaixonadas, a violência doméstica foi abordada de forma impactante e realista, destacando suas consequências e buscando conscientizar o público sobre esse grave problema social. A trama apresentou um caso principal de violência contra a mulher.

O caso envolveu Raquel (Helena Ranaldi), que era vítima de agressões físicas por parte de seu ex-marido, Marcos (Dan Stulbach). A novela retratou as constantes agressões sofridas por Raquel, revelando a crueldade e o ciclo de violência que ela enfrentava. Essa história trouxe à tona a importância de denunciar a violência doméstica e buscar apoio para romper com um relacionamento abusivo.

Além deste, outro caso de violência é abordado na novela. Onde a personagem Dóris, vivida por Regiane Alves, com uma personalidade difícil, trata seus avós, Flora (Carmem Silva) e Leopoldo (Oswaldo Louzada), com desprezo, falta de respeito e frequentemente faz comentários cruéis em relação à idade deles. Seu comportamento abusivo e desrespeitoso evidencia a violência psicológica.

Amor entre pessoas de idades diferentes

Raquel (Helena Rinaldi) é professora de Educação Física do colégio ERA que se envolve e vive uma paixão avassaladora com seu aluno, menor de idade, Fred, que também sofrerá na mãos do ex-marido da professora, Marcos (Dan Stulbach)

Infidelidade

Um dos casos de infidelidade da trama é com a personagem Silvia (Natália do Vale), que decide acabar com a monotonia de se casamento com Afrânio (Paulo Figueiredo) e insatisfeita com a falta de emoção em sua vida conjugal, inicia uma relação extraconjugal com o motorista Caetano (Paulo Coronato), namorado de sua empregada.

Cenas marcantes de “Mulheres Apaixonadas”

Com momentos marcantes e personagens emblemáticos, a novela trouxe à tona uma variedade de temas sociais relevantes, como a violência doméstica, a homossexualidade feminina, o vício em álcool, o compromisso celibatário e o ciúme obsessivo. Relembre algumas das cenas mais memoráveis da trama:

Fernanda revela a Helena que Lucas é seu filho com Téo

Fernanda revelará que Lucas é, de fato, filho de Téo, enfatizando que ele pretendia revelar esse segredo no dia em que foram baleados. A ex-profissional do sexo implorará a Helena que continue amando Lucas como se ele fosse seu próprio filho. A protagonista de Mulheres Apaixonadas garantirá que nunca deixará de amá-lo, assegurando seu amor incondicional pelo menino.

Marcos bate em Raquel com uma raquete de tênis

Em uma das cenas mais intensas da trama escrita por Manoel Carlos, Marcos ficará extremamente furioso por não ter sido convidado para o aniversário de sua esposa. Em meio à sua fúria, ele acabará agredindo-a com uma raquete. A situação se desencadeia quando a mulher tenta disfarçar a falta de convite, alegando que não planeja fazer nenhuma comemoração, porém, Marcos não se contentará com suas desculpas e reagirá de forma violenta.

Marcos bate em Raquel com uma raquete (Foto: Reprodução/Globo)
Marcos bate em Raquel com uma raquete (Foto: Reprodução/Globo)

Heloísa esfaqueia o marido Sérgio

Heloísa, tomada por uma profunda perturbação, acabou agindo de forma imprudente e cometeu um ato extremo. Durante mais uma discussão acalorada com Sérgio, os dois protagonizaram uma cena de escândalo no meio de um hotel. Sentindo-se completamente irritada, Heloísa, em um momento de descontrole, pegou uma faca e partiu em direção a Sérgio, e feriu o marido.

Téo e Fernanda são atingidos por uma bala perdida

Depois de várias premonições da filha Salete (Bruna Marquezine), Fernanda (Vanessa Gerbelli) e Téo (Tony Ramos) são baleados em uma troca de tiros no trânsito do Leblon. O músico toma um tiro e Fernanda se desespera ao ver Téo caído no chão, ao tentar voltar para ajudá-lo, recebe dois tiros, um no peito e outro no ombro.

Fernanda (Vanessa Gerbelli) e Téo (Tony Ramos) são vítimas de bala perdida
Fernanda (Vanessa Gerbelli) e Téo (Tony Ramos) são vítimas de bala perdida (Foto: Reprodução/Globo)

Curiosidades da novela “Mulheres Apaixonadas”

A personagem de Christiane Torloni na novela foi a sexta Helena criada por Manoel Carlos em suas tramas.

Ser uma Helena é um prêmio, um presente. E a personagem era uma anti-heroína, mas também a mocinha. Isso é um artifício magnífico de humanização dos personagens. É uma relação de identificação profunda, quanto mais complexo é o personagem, mais sucesso ele faz”, disse a atriz.
Aos 8 anos, a atriz Bruna Marquezine, interpretou seu primeiro papel de destaque na Globo.
Mulheres Apaixonadas conquistou reconhecimento internacional e foi vendida para diversos países, entre eles Israel.
No Brasil, foi reprisada no Vale a Pena Ver de Novo em setembro de 2008, permitindo que o público revivesse a emocionante história e entrou para a plataforma de streaming Globoplay em maio de 2021.

Saiba tudo sobre as principais novelas aqui

 

🚨 Substitutos de Ana Maria batem boca + Ator diz que foi humilhado pela Globo + Adeus Rodriguinho?

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA